TURMAS: 8º ANO 10º ANO 11º ANO




CENTRO HISTÓRICO DO PORTO
Classificado como Património Cultural da Humanidade desde 1996. A sua área engloba a parte ribeirinha do Porto e de Vila Nova de Gaia e quase coincide com as muralhas fernandinas do século XIV que definem a cintura medieval do Porto.


A lista dos 10 países mais perigosos para as mulheres

11B revisões

Um teste para treinar
https://drive.google.com/file/d/1qjdLiSIipdOgCyQf_JeW_a8Ju2HgoQyQ/view?usp=sharing

Outro teste para treinar
https://drive.google.com/file/d/1l40fh3OyTaptgFjmQrM-n8fzNA6ir_A3/view?usp=sharing
o mesmo teste mas com soluções:
https://drive.google.com/file/d/1O7laCLlow_qjdDu0HJU1TFML-jsriGGG/view?usp=sharing

o mapa das NUTS II e NUTSIII após 2016


Apontamentos e KAHOOT para o 8B estudar

DESCARREGAR PDF 
Livro de 14 páginas com resumos de todo o 8º ano - AQUI


continue a ler aqui






Podem jogar o Kahoot AQUI:
https://create.kahoot.it/share/duplicate-of-evolucao-distribuicao-da-populacao-mundial/54b73687-ab30-47fe-b595-befda0bb88c3


A ÚLTIMA PROVA ESCRITA NO 8B  QUE TAMBÉM É UMA PREPARAÇÃO PARA A PROVA DE AFERIÇÃO DE GEOGRAFIA

Vamos usar os apontamentos e o Kahoot jogado na última aula. Deixo o link para recordarem


Ana Hatherly para inspirar um trabalho com o websig de Arraiolos



Serigrafia "Carlos Paredes". Na imagem superior: "Poeta chama Poeta".

Portuguese visual artist/poet/scholar/filmmaker Ana Hatherly (1929-2015).



parte de aula na recta final do tema «recursos marítimos»




QUESTIONÁRIOS E AVALIAÇÃO ORAL COM OS VIDEO DOCUMENTOS:

LITORAL - acção do mar
https://youtu.be/jZ5I9BD4oQ0

Aquaponia peixes junto com hortaliças
https://youtu.be/tEXo-KhXGys

Produção em aquicultura
https://www.youtube.com/watch?v=6mRrqdeLHzA

Mar, a Terra Prometida - Episódio 2 - Aquacultura
https://www.youtube.com/watch?v=drKHPQ0snD8




Principais Portos de Mar em Portugal Continental:

Porto de Viana do Castelo (Hinterland)
Porto de Leixões (Hinterland Regional)
Porto de Aveiro (Hinterland Regional)
Porto da Figueira da Foz (Hinterland Regional)
Porto de Peniche (Pesca/Recreio)
Porto de Lisboa (Hinterland Regional)
Porto de Cascais (Pesca/Recreio)
Porto de Sesimbra (Pesca/Recreio)
Porto de Setúbal (Hinterland Regional)
Porto de Sines (Transshipment "Transbordo"/Hinterland Nacional e Fronteiriço/rede de Trans-Europa)
Porto de Lagos (Pesca/Recreio)
Porto de Portimão
Porto de Faro (Hinterland Regional)
Porto de Vila Real de Santo António (Pesca/Recreio)



Tarefa para a Carla na Biblioteca:

1) Criar Word com capturas de tela dos mapas em Google Maps e resposta ao desafio:
"LOCALIZAR E ESTIMAR AS DISTÂNCIAS DE ARRAIOLOS AOS 6 PRINCIPAIS PORTOS DE PORTUGAL CONTINENTAL (PP.230 MANUAL) USANDO GOOGLE MAPS"

2) Enviar o Word criado para o email do professor Luís Palma de Jesus

trabalho de pesquisa com um debate mínimo sobre alterações climáticas e protecção ambiental







TRABALHO DE PESQUISA RELATIVO À GREVE DO CLIMA:
CRÍTICA COMPARADA DE 2 DOCUMENTÁRIOS SOBRE O DEBATE DAS ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS

Dos alunos André L., Illia F., Joana C. e Jorge B. do 10B (2018-2019) na Escola Cunha Rivara, Arraiolos.

"Por quê estudar para um futuro que em breve não existirá se ninguém fizer nada para salvá-lo?"
Estudantes portugueses e de inúmeros países com IDH Muito Elevado faltaram às aulas em nome do clima no dia 15 de Março de 2019. Aqui, aproveitámos para reflectir e fazer a leitura comparada de dois clássicos do activismo ambiental e debater prioridades e formas globais de proteger o Ambiente: o mítico documentário Cowspiracy (2014) e uma ultra afamada TED Talk de Allan Savory de 2013
Irei usar este exemplo com as próximas turmas de secundátrio. Um obrigado à Joana.


Resumo de estudo da unidade final do 11º ano

A UNIDADE TEMÁTICA: PORTUGAL NA UNIÃO EUROPEIA (11º ANO)  

alterações climáticas e algum contraditório se faz favor

In https://www.youtube.com/playlist?list=PLC5KrnKxeYynEeYCAwjizpFNE582f0jnO

ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS SEM CONTRADITÓRIO E A GREVE DO CLIMA SEM SOLUÇÕES  

1. Primeira dúvida: O argumento maior do activismo climático baseia-se na existência de "consenso" na comunidade científica sobre o aquecimento climático...
Primeira e única certeza: a ciência não se faz por consenso, mas por disssensão e contradição de teses e modelos explicativos.

Para os alunos mais atentos e com paciência sugiro a playlist acima linkada com prós e contras deste «debate» silenciado (as campanhas politicamente correctas promovidas pela imprensa generalista tende a esquecer os contra argumentos credíveis).



2. Segunda dúvida: poderá a «Greve do Clima» correr o risco de pugnar por soluções totalitárias se adoptadas as suas sugestões (que nunca são apresentadas com contraditório)? Soluções que passariam por interditar combustíveis fósseis e interditar a agricultura industrial... Como acabar, em 12 anos e à escala planetária, com os combustíveis fósseis e a agropecuária, sem a existência de um poder político absoluto e global?

(a minha dúvida:) Poderemos pedir aos nossos governantes a interdição do uso de combustíveis fósseis e o fim da criação de animais pela agricultura moderna (principal causa da devastadora pegada ecológica)?

Como seria imposta a proibição dos combustíveis fósseis (transportes e indústria são a segunda causa de alterações climáticas)?

Como obrigar populações inteiras a mudar a sua alimentação, ficar sem automóveis e sem bens de consumo industrial?



3. Terceira dúvida: A solução para reduzir a excessiva Pegada Ecológica será, como diz a grevista Greta, não estudar ou, pelo contrário, estudar mais e aprender com as boas soluções já testadas?



Vamos discutir se faz favor.

greve ao Clima dá trabalho nas aulas de Geografia







“Por que deveríamos estudar para um futuro que em breve não existirá se ninguém fizer nada para salvá-lo?  

As alterações climáticas são a maior crise alguma vez enfrentada pela civilização humana. É um sinal de alarme total, o ponto de apoio para uma nova etapa na luta global pela justiça climática. Além da Rebelião contra a Extinção e do By2020 We Rise Up, já ocorrem greves climáticas estudantis em mais de uma dezena de países: Bélgica, Escócia, Inglaterra, Suécia, Suíça, Alemanha, Nova Zelândia, Austrália, Itália, Canadá. Portugal anunciou a sua, a 15 de Março, em conjunto com vários outros países. 
As alterações climáticas são a maior crise alguma vez enfrentada pela civilização humana, com risco previsto de, mesmo em cenários conservadores, serem destruídas muitas das bases materiais que permitiram o surgimento da civilização (estabilidade das estações, da disponibilidade de recursos e previsibilidade de futuro), e a própria dimensão das populações humanas (dependentes da produção agrícola e da produtividade marinha que estão em mutação pela modificação dos regimes hídricos, climáticos e pela profunda alteração de temperatura e pH dos oceanos).
In https://www.publico.pt/2019/02/12/ciencia/opiniao/greve-clima-onda-justica-climatica-invade-escolas-1861507

Inspirados pela jovem Greta, estudantes portugueses vão faltar às aulas em nome do clima no dia 15 de Março.

Por cá, vamos ouvir com atenção e lidar com 2 clássicos do activismo ambiental e debater prioridades e formas globais de proteger o Ambiente: o mítico documentário Cowspiracy (2014) e uma ultra afamada  TED Talk de Allan Savory de 2013.

Será um Trabalho de Pesquisa maneiro.



trabalho de pesquisa no 8B


Criar kahoots no 8ºB com o tema «Diversidade Cultural»


a) Tarefa 1: Criar no Kahoot 20 questões com imagens sobre o tema «Culturas e civilizações no mundo atual».

b) Tarefa 2: Apresentar publicamente o jogo criado jogando-o em 14 de Março 2019

C) Procedimento: levam telemóveis e tentam ganhar. Teremos prémios em chocolates.

rios principais e bacias hidrográficas



Bacia hidrográfica: Superfície de escoamento de um rio central e seus afluentes.

os limites das Regiões Hidrográficas portuguesesas e confusão com Espanha



Decreto-Lei n.º 112/2002:   O território nacional está subdividido em 10 regiões hidrográficas, 8 em Portugal Continental e 2 correspondentes às Regiões Autónomas.

Espanha complicada e sem acordo:  O limite entre Portugal e Espanha, no troço desde a foz do rio Caia à foz do rio Cuncos não é reconhecido pelo Estado português (territórios respeitantes à região de Olivença).

AS 10 REGIÕES HIDROGRÁFICAS: 
- RH 1 Minho e Lima
- RH 2 Cavado, Ave e Leça
- RH 3 Douro
- RH 4 Vouga, Mondego e Lis
- RH 5 Tejo e ribeiras do Oeste
- RH 6 Sado e Mira
- RH 7 Guadiana
- RH 8 Ribeiras do Algarve
- RH 9 Arquipélago dos Açores
- RH 10 Arquipélago da Madeira

- (RH1) Minho e Lima  Correspondente ao âmbito geográfico dos Planos de Bacia Hidrográfica (PBH) do Minho e Lima, integra as bacias hidrográficas do Minho e Lima (no prolongamento da Região Hidrográfica Norte I, de Espanha) e as ribeiras de costa, incluindo as respectivas águas subterrâneas e águas costeiras adjacentes;

- (RH2) Cavado, Ave e Leça  Correspondente ao âmbito geográfico dos PBH do Cávado, Ave e Leça, integra as bacias hidrográficas dos rios Cávado, Ave e Leça e as bacias hidrográficas das ribeiras de costa, incluindo as respectivas águas subterrâneas e águas costeiras adjacentes;

- (RH3) Douro  Correspondente ao âmbito geográfico do PBH do Douro, integra a bacia hidrográfica do rio Douro (no prolongamento da Região Hidrográfica Duero, de Espanha), e as bacias hidrográficas das ribeiras de costa incluindo as respectivas águas subterrâneas e águas costeiras adjacentes;

- (RH4) Vouga, Mondego e Lis  Correspondente ao âmbito geográfico dos PBH do Vouga, Mondego e Lis, integra as bacias hidrográficas dos rios Vouga, Mondego e Lis e as bacias hidrográficas das ribeiras de costa, incluindo as respectivas águas subterrâneas e águas costeiras adjacentes;

- (RH5) Tejo e ribeiras do Oeste Correspondente ao âmbito geográfico dos PBH do Tejo (no prolongamento da Região Hidrográfica Tajo, de Espanha), e das ribeiras do Oeste, integra a bacia hidrográfica do rio Tejo e as bacias hidrográficas das ribeiras de costa incluindo as respectivas águas subterrâneas e águas costeiras adjacentes;

- (RH6) Sado e Mira Correspondente ao âmbito geográfico dos PBH do Sado e Mira, integra as bacias hidrográficas dos rios Sado e Mira e as bacias hidrográficas das ribeiras de costa, incluindo as respectivas águas subterrâneas e águas costeiras adjacentes;

- (RH7) Guadiana Correspondente ao âmbito geográfico do PBH do Guadiana, integra a bacia hidrográfica do Guadiana (no prolongamento da Região Hidrográfica Guadiana I e confinante com a Região Hidrográfica Guadiana II, de Espanha), incluindo as respectivas águas subterrâneas e águas costeiras adjacentes;

- (RH8) Ribeiras do Algarve Correspondente ao âmbito geográfico do PBH das Ribeiras do Algarve, integra as bacias hidrográficas dos rios e das ribeiras entre o estuário do rio Guadiana e a foz da ribeira de Seixe, incluindo as respectivas águas subterrâneas e águas costeiras adjacentes;

- (RH9) Açores Integra todas as bacias hidrográficas de todas as ilhas do arquipélago, incluindo as respectivas águas subterrâneas e águas costeiras;

- (RH10) Madeira Integra todas as bacias hidrográficas de todas as ilhas do arquipélago, incluindo as respectivas águas subterrâneas e águas costeiras


11B GGF - intercalares do 2º período - 2019

10B GGF - intercalares do 2º período - 2019

8B GGF - intercalares do 2º período - 2019



Actualização. Por lapso usara imagem de excel anterior à reunião de CT onde foram atualizados os níveis atribuídos. Fica, agora, reposta as classificações vigentes em Pauta.

para estudar o sistema solar e toda a nossa galáxia




Ver em tela gigante www.solarsystemscope.com


PARA ESTUDAR O SISTEMA SOLAR

Com as características dos planetas. Órbitas e movimentos aparentes.