TEMA RADIAÇÃO SOLAR
EXAME DE GEOGRAFIA - 2015 FASE 1


[EXAME 2016, FASE 1]
[ GRUPO II ]


A radiação solar constitui um recurso natural de elevado potencial, que contribui para a sustentabilidade do país.






1. A escala numérica que corresponde à escala gráfica apresentada no mapa da Figura 2 é
(A) 1/5 000. 
(B) 1/1 000 000. 
(C) 1/500 000. 
(D) 1/10 000.


2. De acordo com a Figura 2, a distribuição espacial dos valores da radiação solar global média diária registados na ilha da Madeira explica-se pela conjugação de fatores como
(A) a altitude e a ação dos ventos dominantes. 
(B) a corrente das Canárias e a ação dos ventos dominantes. 
(C) a corrente das Canárias e a exposição geográfica das vertentes. 
(D) a altitude e a exposição geográfica das vertentes.


3. Na ilha da Madeira, os valores da radiação solar registados no mês de julho são mais elevados do que os registados no mês de janeiro, devido, entre outras razões,
(A) à maior espessura de atmosfera atravessada pelos raios solares e à maior duração do dia natural. 
(B) à menor espessura de atmosfera atravessada pelos raios solares e à maior duração do dia natural. 
(C) ao maior ângulo de incidência dos raios solares e à maior superfície iluminada. 
(D) ao menor ângulo de incidência dos raios solares e à menor superfície iluminada.


4. As condições geográficas que, conjugadas, favorecem a instalação das estações fotovoltaicas identificadas na Figura 2 são, entre outras,
(A) a localização na vertente umbria e um valor de radiação inferior ou igual a 5,2 kWh/m2/dia. 
(B) a elevada ocupação humana e um valor de radiação inferior a 5,2 kWh/m2/dia. 
(C) a localização na vertente soalheira e um valor de radiação superior a 7,6 kWh/m2/dia. 
(D) a disponibilidade de espaço e um valor de radiação superior ou igual a 6 kWh/m2/dia.


5. Os fatores climáticos que justificam a variação espacial da temperatura média em Portugal continental são, entre outros,
(A) a nebulosidade e as correntes marítimas. 
(B) a humidade relativa e a pressão atmosférica. 
(C) a latitude e a altitude. 
(D) a continentalidade e o vento.


6. O aproveitamento passivo da radiação solar, em Portugal, pode ser conseguido através
(A) da orientação E-W dos edifícios e da utilização de técnicas de construção eficientes. 
(B) da orientação N-S dos edifícios e da instalação de coletores solares. 
(C) da orientação E-W dos edifícios e da instalação de aparelhos de aquecimento central. 
(D) da orientação N-S dos edifícios e da utilização de painéis fotovoltaicos.

VER CORRECÇÃO