CORRECÇÃO DO TEMA ÁREAS RURAIS
EXAME DE GEOGRAFIA - 2014 FASE 2





[EXAME 2014, FASE 2]
[ GRUPO III ]


A Figura 3 representa a comparação entre o grau de autossuficiência de Portugal relativamente a alguns produtos agropecuários, em 2010, e a média desse grau de autossuficiência, no período 2006-2010.






1. Em Portugal, os produtos hortícolas e os frutos tropicais têm grande importância relativa, respetivamente, em regiões agrárias como
(A) a do Algarve e a da Beira Interior. 
(B) a do Ribatejo e Oeste e a da Madeira. 
(C) a de Entre Douro e Minho e a do Alentejo. 
(D) a dos Açores e a de Trás-os-Montes.


2. De acordo com a Figura 3, os produtos agropecuários que, em 2010, apresentam um grau de
autossuficiência superior à média dos valores registados no período 2006-2010 são
(A) os cereais, as batatas, as oleaginosas e os ovos. 
(B) os cereais, as batatas, o vinho e as oleaginosas. 
(C) os frutos frescos, o azeite, os frutos tropicais e o vinho. 
(D) os frutos frescos, os frutos tropicais, o azeite e os ovos.


3. Os condicionalismos que comprometem a autossuficiência de Portugal em alguns dos produtos agropecuários são, entre outros,
(A) a fraca mecanização e as restrições à importação de produtos alimentares. 
(B) a fraca procura do mercado interno e o abandono da atividade agrícola. 
(C) a falta de qualidade dos produtos nacionais e o clima desfavorável. 
(D) a estrutura agrária fragmentada e a fraca qualidade dos solos.


4. O aumento recente da produção do azeite e do vinho em Portugal deve-se, entre outros fatores,
(A) ao aumento da superfície de produção e à generalização do modo de produção biológico. 
(B) ao conhecimento técnico aplicado ao sistema produtivo e às boas práticas de gestão agrícola. 
(C) às estratégias de marketing e ao incentivo à divisão da propriedade agrícola. 
(D) às novas espécies introduzidas e ao predomínio do sistema de cultura extensivo.


5. Duas das medidas agroambientais promovidas pela reforma da PAC de 2003 que contribuíram para o desenvolvimento rural no interior do país foram
(A) a defesa dos produtos tradicionais nacionais e a certificação da qualidade dos produtos. 
(B) o controlo das pragas através de pesticidas e o apoio à indústria agroalimentar. 
(C) a ajuda à comercialização dos produtos biológicos e o apoio aos grandes sistemas de irrigação. 
(D) o apoio técnico à produção integrada e a ajuda direta ao turismo patrimonial.


6. Em Portugal, a floresta apresenta uma importância estratégica no desenvolvimento do espaço rural, na medida em que permite
(A) estimular a construção de aldeamentos de elevada densidade, através do desenvolvimento da atividade turística. 
(B) assegurar práticas de agricultura intensiva, através da estabilização das vertentes. 
(C) dinamizar atividades económicas diversificadas, através do fornecimento de matérias-primas. 
(D) diminuir a vulnerabilidade aos riscos de incêndio, através da valorização das monoculturas de espécies resinosas.



Sem comentários: