a pobreza nos Estados Unidos da América




Mapa interactivo. Cliquem na imagem



A POBREZA DOS RICOS NÃO É A POBREZA DOS POBRES, MAS CONTINUA A SER POBREZA:

Quase 43 milhões dos 48,8 milhões de pessoas que vivem em situação de pobreza vivem em áreas metropolitanas e áreas micropolitanas, como definido pelo governo federal dos Estados Unidos da América.

Este mapa mostra essas áreas pelo número de pessoas que vivem na pobreza.

New York (2,8 milhões), Los Angeles (2,3 milhões) e Chicago (1,3 milhões) têm a maioria das pessoas que vivem na pobreza . Houston , Miami e Dallas são as áreas metropolitanas com mais de 1 milhão de pessoas que vivem na pobreza.


Nota:
O Índice de Pobreza Humana para países desenvolvidos (IPH-2) serve como indicador da taxa de pobreza. Pondera de três variáveis:
- Probabilidade ao nascido de não viver até aos 60 anos.
- Taxa de Analfabetismo Funcional
- Média de desemprego de longa duração.

O Índice de Pobreza Humana para países em desenvolvimento (IPH-1) serve como indicador da taxa de pobreza nos países mais «pobres» do mundo. Pondera de três variáveis:
- Probabilidade ao nascido de não viver até aos 40 anos.
- Taxa de analfabetismo entre adultos.
- Média não ponderada da população sem acesso sustentável a uma fonte de água melhorada e das crianças com baixo peso para a idade.


Fonte:  US Census Bureau americano FactFinder , 2013 American Community Survey com estimativas para 1 ano.