mapa interactivo da poluição atmosférica de 2000 a 2013




Ver em Eran Total em: www.epi.yale.edu/pollution-map

Mapa interactivo produzido por Pedro Cunha, Dmitry PavlukAnna Young, and Diego Torres Quintanilla.



Onde vivem as pessoas sujeitas à pior poluição do ar? 

O jornal Atlantic mapeou  as exposições a nível nacional e a nível de cidade, os poluentes atmosféricos que têm o maior efeito sobre a saúde humana, as partículas finas (PM 2,5).

O indicador «PM 2,5» representa a queima de combustíveis de fontes móveis, como veículos, e fontes estacionárias, incluindo usinas de energia, indústria e queima de biomassa nos agregados familiares. Embora invisível para o olho humano, o «PM 2,5» contribui para infecções respiratórias agudas e outras doenças como o cancro. Pode penetrar no pulmão humano ou no tecido sanguíneo, levando a maior incidência de doenças cardiovasculares e pulmonares.

O mapa sobrepõe duas fontes de dados sobre a poluição do ar: para as cidades, os dados recentes da OMS publicados em Ambient (outdoor) air pollution in cities database 2014 para os países, a exposição ao nível do solo a PM 2,5 são derivados de medidas de satélite publicadas no Índice de Desempenho Ambiental 2014- . Pela primeira vez, os dados nacionais e ao nível da cidade pode ser comparada para ver como a poluição do ar é distribuído globalmente.

Em Março, a Organização Mundial de Saúde estimou  que a poluição atmosférica foi responsável por 7 milhões de mortes prematuras em 2012. Isso é uma em cada oito mortes totais do mundo.



O Ambiente comparado entre países? 

A qualidade do ar tem piorado ao longo da última década, e para mais pessoas.
O Índice de Desempenho Ambiental 2014 (EPI) , um ranking mundial bienal que compara os países sobre as questões ambientais de alta prioridade, mostra que ao longo da última década, o número de pessoas que respiraram ar inseguro aumentou 606 milhões e agora totaliza 1,78 mil milhões. Isto é um quarto da população global.