nascer do sol entre vulcões no oceano pacífico


Foto tirada na Estação Espacial Internacional (ISS) em 15 de Novembro de 2013








O amanhecer ilumina as vertentes sudeste das ilhas Four Mountains, Arquipélago das Aleutas:

Uma camada de nuvens baixas obscurece grande parte das elevações mais baixas das ilhas e da superfície do mar, mas as nuvens também indicam o padrão geral do fluxo do ar ao redor e através das ilhas.

Os picos destas ilhas têm cobertura de neve (diferenciam-se das nuvens devido ao maior brilho: branco contra cinza) e à localização específica na paisagem.

As ilhas Four Mountain fazem parte do Arquipélago Ilhas Aleutas (Alasca, EUA) e são a parte vísivel dos complexos vulcânicos Tana e Cleveland - nesta imagem, um banco de nuvens obscurece a massa de terra que os liga.

O vulcão Cleveland (elevação 1730 metros acima do nível do mar) é um dos mais ativos na cadeia das Aleutas (Maio de 2013). O pico mais oriental é o vulcão Tana (1.170 metros) e não há nenhum registro histórico da sua actividade.

férias em breve com a pior aula de geografia do mundo



;)

Pois é. A responsabilidade é de todos...

nota:
O discurso é do, então, presidente do Brasil e foi registado em Outubro de 2009.
O Brasil é uma potência económica emergente - um BRIC. 

antropoceno é o planeta modificado pela acção humana





"Welcome to the Antropocene" é um filme sobre o estado do planeta 

Uma viagem de 3 minutos ao longo dos últimos 250 anos de nossa história: desde o início da Revolução Industrial até à actualidade.

O filme traça o crescimento da humanidade como uma força global numa escala equivalente à dos principais processos geológicos.

filmes para o 10º ano




CALENDARIZAÇÃO DOS TRABALHOS DE GRUPO - "PORTUGAL, RETRATO SOCIAL"


Quem sabe quantos países existem no mundo? Quem é a autoridade para decidir a contagem de países existentes? - A Norma M49 das Nações Unidas

.

 Fonte: Norma UN M.49 (standard M.49). Revista em 31 Outubro de 2013.

A Norma M49 da Divisão de Estatística das Nações Unidas divide o mundo em Regiões Geográficas.

O esquema é utilizado na análise estatística, relatórios e documentação científica produzida pela ONU - veja-se o caso do Relatório do Desenvolvimento Humano, publicado todos os anos e que é a nossa «Bíblia» para compreender o mundo actual, sendo muito usado (deveria ser) no 8º e 9º ano de geografia.

Outra vantagem de usarmos esta Norma nas aulas de geografia é podermos ultrapassar a confusão de critérios nos livros de geografia na localização das diversas Regiões Geográficas (no caso da Europa é flagrante, e cada manual tem a sua definição).

Aliás, a confusão nos manuais de Geografia começa na resposta à pergunta: Quantos países existem no mundo em 2012? Quantos países existem na Europa em 2012? Para testar que assim é, façam uma pesquisa na net usando estas duas perguntas...



nota:
Em Outubro de 2013 a ONU reconhecia 192 países.
Contudo, a mesma ONU admite, em documentação distinta, a existência de 194 países (considerando-se por vezes o Vaticano e os Territórios Palestinianos como estados soberanos).

Quantos países tem a Europa em 2013? Quem sabe responder é a ONU

Em Janeiro de 2013 a ONU reconhecia a existência de 43 países.

Não confundir "Países" com "Territórios de Soberania Especial".
Fonte: Norma M49 das Nações Unidas 


Em baixo a lista com os países em azul; os territórios em negrito e sem tradução.

EUROPA (10 territórios de soberania especial; 43 países)

Europa Oriental
(10 países)
01

02

03

04

05

06

07

08

09

10


Europa do Norte
(10 países)
01
Åland Islands
02
Channel Islands
03
04
05
Faeroe Islands
06
07
Guernsey
08
09
10
Isle of Man
11
Jersey
12
13
14
15
16
Sark
17
Svalbard and Jan Mayen Islands
18

Europa do Sul
(14 países)
01
02
03
04
05
06
07
Gibraltar
08
09
Holy See
10
11
12
13
14
15
16

Europa Ocidental
(9 países)
01
02
03
04
05
06
07
08
09