educação e cultura no Brasil contemporâneo é fundo de quintal




Palavras duras.
Em 2005, Olavo de Carvalho, escritor e jornalista, analisou o, então, panorama cultural e educativo brasileiro.

A conversa inicia-se com um comentário ao mítico "Central do Brasil", filme de Walter Salles (1998) muito aclamado pela crítica e considerado um dos melhores filmes brasileiros.

O argumento principal de Olavo C. centra-se no medíocre protagonismo do Brasil nos domínios da Cultura e Ensino no mundo contemporâneo (últimos 30 anos).

Se, substituirmos a palavra «Brasil» por «Portugal» as afirmações continuam válidas?
Creio que sim...