avaliação primitiva

A avaliação de professores tem dado que falar e enervado toda a gente.
O estado actual da situação leva à desvalorização da formação científica dos professores e cria um clima de hostilidade e competição entre pares - justamente quando é necessário, cada vez mais, trabalho de equipe e suposta interdisciplinaridade. Ainda por cima a burocracia cresceu exponencialmente sem outro resultado que não seja a mera confusão e menor qualidade na preparação de aulas (pelo menos para quem tem entre 200 a 300 alunos).

Por agora não vejo ganhos estratégicos na actual avaliação.