invaders

Hoje, o António colocou-me uma complicadas questão sobre a existência humana nos últimos 25 anos e sobre a qual me desculpei com o bom argumento de "falaremos no fim da aula". É claro que o António não ficou para uma "explicação final" mas ficou comigo a problemática:
- Se sou dos tempos dos Scorpions e se aprecio tal género...

Apenas soprei um curto - Sim, e foi muito mau... De facto, apenas me ocorre o quanto demorado e custoso foi acompanhar as «Baladas» dos Scorpions (por todo o lado, todo o meu tempo de escola secundária, como se fossem uns «brain invaders»). Lembro-me que no Oposto, no outro lado, tinha o Nick Cave e a onda do RockRendezVous que corria nos Opostos das Baladas. Mas agora, como explicar o que está lá atrás?
youtube.com/watch?v=tFVUojBfHZI&feature=channel