Balanço da avaliação docente


Como é que se chegou aqui?

Em boa mas não exclusiva parte porque muitas das pessoas que estão na 5 de Outubro e nos diversos serviços do ministério por esse país fora não têm o mais leve conhecimento da realidade das escolas. Muitos foram professores pouquíssimo tempo e frequentemente detestaram a experiência ou pelo menos não a apreciaram o suficiente para se manterem como docentes.

Esta gente uma vez instalada nos seus gabinetes dedica-se a produzir orientações para serem aplicadas nas mesmas escolas onde eles regra geral não conseguiram fazer nada.
A acompanhá-los nesta tarefa estão os colegas que estudaram e se formaram nas chamadas Ciências da Educação e que do ensino ou da educação propriamente dita o que de mais próximo viram são as escolas superiores e os institutos onde eles mesmos estudaram e conseguiram automaticamente tornar-se professores das mesmas ciências da educação. [...].

continua
MATOS, HELENA. (2008). O país superinteressante. PÚBLICO em 12 de Fevereiro de 2008. Consultado em 14-11-2008. No site Forum Para a Liberdade de Educação. Website: http://www.liberdade-educacao.org/doc_sistema/docentes/paissuper.htm